quinta-feira, 19 de fevereiro de 2009

RECORDAR É VIVER!...

AB6 - Eis uma Unidade em construção!
ao meio, em baixo, Clube de Sargentos,
em cima, esquerda, centro e direita, os
Alojamentos e a piscina, refeitórios...
*
Apesar de ser notória a poeira que cobria toda a Unidade, porque o alcatrão ainda estava ausente dos arruamentos da Base, como acontecia na então Vila de Nova Freixo, que era também uma terra em construção, aquilo que os nossos olhos iam vendo, no dia-a-dia, era o nascimento de uma infraestrutura capaz de dotar todos os que dela se socorriam, do necessário conforto, quer do corpo quer da alma.
Também na Vila foram bastante bem cuidadosos nos alojamentos para aqueles que pretendiam fazer-se acompanhar da família, pois a DDSIC-3ªRA alugou alguns prédios, dos melhores que haviam sido construídos em Nova Freixo, como era o caso das "Flat" do prédio do João Moreno, originalmente construído para instalar um hotel, ou os apartamentos do Raimundo. Outras instalações, destinadas aos Comandantes, tiveram de ser preparadas, mas tudo funcionou pelo melhor.
Para culminar as mordomias, havia uma carrinha da Unidade que trazia as refeições das Messes e a distribuía pelo pessoal que morava na Vila. Na hora da distribuição da "marmita" , bastava estar-se atento... porque o Bergano nunca se esquecia do petisco, que tanto podia ser "Estilhaços de vitela com atacadores" como "Cozido à Bergano", "Franguinho à Cafreal, com batata à palha" ou qualquer outro petisco saído da sua proverbial e reconhecida propensão para essas coisas gastronómicas.
Talvez por esse motivo houvessem sido escritas as "Messíadas do AB6":
*
"As boas e colossais feijoadas
servidas pela Messe do Bergano,
serão por nós sempre lembradas,
em especial no Rancho de Fim de Ano!"
*
"Em petiscos e mil pratos requintados,
capazes de matar a fome humana...
...são os cozinheiros bem amestrados,
como se vê nos menús de fim de semana!"
*
"Calem-se com esses banquetes bem servidos,
noutras Messes, com outra dimensão...
que eu grito, até que me doam os ouvidos,
por causa dos acepipes que aqui me dão!"
*
Esta é apenas uma parte do imortal poema "Messíadas", pois todas só o Canto I tem 15 quadras... e são 5 cantos a compôr tão sublime obra poética! O Bergano, pelo que representou para o AB6, bem mereceu ser cantado, acreditem!

Sem comentários:

Enviar um comentário